Doce de Banana em Calda


Doce de Banana em Calda

Doce de Banana em Calda

Doce de Banana em Calda vermelhinho é feito com banana prata em rodelas, canela, cravo e açúcar. Fica um doce de banana vermelhinho ,delicioso com um pedacinho de queijo minas fresco ou uma boa colherada de requeijão ou catupiry
Vamos à receita. Tenho certeza que vocês vão adorar.

Doce de Banana em Calda

Tempo de PreparoTempo de CozimentoTempo TotalPorçõesAutor
20 minutos2 horas2 horas e 20 minutos8Léo Aguiar

Receita:
Ingredientes:
  • 1 dúzia de bananas prata bem maduras
  • 3 xícaras de açúcar refinado
  • 3 pedaços de canela em pau
  • 5 cravos
  • 1,2 litros de água
Mode de preparo:

Você precisará de uma panela de boca larga e um pouco alta. Nesta panela deverá colocar todos os ingredientes de uma só vez e depois levar ao forno beeeeem baixinho. Enfatizo o “beeeeem” porque o doce é cozido muito lentamente para que as bananas maduras não se despedacem e grudem. Vamos aos detalhes:


  • Corte a banana madura em rodelas mais ou menos da grossura do seu dedo mindinho e coloque na panela. Veja a foto acima;

Estas bananas precisam estar bem maduras , com a casca pintadinha, pois quanto mais madura estiver, mais doce, mais gostosa e roxinha ficará a sobremesa.

  • Adicione as canelas em pau, os cravos e as 3 xícaras de açúcar;
  • Depois cubra com a água que deve ficar mais ou menos no meio da panela;

Neste ponto é importante enfatizar que dependendo do tamanho de sua panela, a quantidade de água não chegará ao meio. É importante cobrir tudo com bastante água, que será responsável por formar o caldo;

  • Leve ao fogo baixo, baixo , baixo;

Minha mãe até tinha uma técnica de colocar no alto e depois regular, quase que desligando o gás, para conseguir um fogo mais baixo que o padrão do fogão. É mole???? Rsrsrs

  • Quando começar a ferver você deverá mexer o Doce de Banana em Calda com uma colher de pau bem devagar. Apenas pelas bordas, de leve;

Não faça movimentos bruscos pois poderá quebrar as rodelas de banana. Sua casa vai cheirar de uma maneira que nunca sentiu. O odor da canela, da banana e do cravo vão chegar na porta da rua. Eu simplesmente era viciado nesse doce e mal sabia como era feito.

  • Ao longo do cozimento , a calda vai engrossando, o doce vai ficando roxinho;
  • Deixe cozinhando por mais ou menos 2 horas a 2 horas e meia, mexendo com frequência, bem devagar , sem aumentar o fogo. Seu esforço, valerá a pena;
  • Espere esfriar e sirva com uma bela fatia de queijo minas ou catupiry;

Servem 8 pessoas

Conheça a História de como aprendi esta Receita:

Lembro da minha mãe na beira do fogão fazendo essa receita quando eu era criança. Quando eu tocava a campainha após uma brincadeira, volta da escola ou da natação e sentia esse cheirinho, era a felicidade total. Lembro de abrir a geladeira e pegar direto do pote, sem retira-lo de lá. Eu adorava esse Doce de Banana em Calda vermelhinho, roxinho sei lá, não só porque gosto de doces à base de frutas, ou porque adoro banana com canela mas porque além do sabor maravilhoso, eu sentia algo mais. Algo que acompanha a comida quando você faz com carinho e amor. Tenho essa lembrança até hoje, basta sentir o cheirinho, que minha infância vem à cabeça. E tinha que ser o doce de banana roxinho!!!! Aquele amarelo não servia não.

A partir da adolescência quando comecei as “viagens” gastronômicas pelos temperos, sabores e ingredientes, percebi que não havia costume de se comer doce de banana desta maneira por aí, vermelho , roxinho. O tradicional era encontrar o doce de banana em compota , na maioria das vezes cremoso ou tal qual, um doce de abóbora, amarelo. Para ser franco, só vi na minha família desse jeito, roxinho e em rodelas. É um doce português e não brasileiro, o que não explicaria a dificuldade de encontrar referências em sites e etc, mas pode ser uma justificativa.

Sei que minha mãe aprendeu com minha avó paterna, de origem portuguesa que, apesar disso , não fazia muitos doces à base de ovos, como o costume português indica. Meu pai e avô paterno, adoravam a sobremesa, e minha mãe foi na onda para agradar o maridão. Sempre fazia o Doce de Banana em Calda vermelhinho. Ela diz que minha avó fazia muito bem, com muita paciência e carinho, mas quando eu comia não via diferença nenhuma em nenhum dos dois. Acho que ela aprendeu muito bem, afinal eu achava delicioso e não tenho como julgar e comparar quem fazia melhor. Eu mandava bala de qualquer jeito.

 


22 comentários sobre “Doce de Banana em Calda

  1. Sandrea Alexandre

    A cara da minha infância também. Saudades da minha mãe.. me relembrou tudo. Amei!
    Agora, a vida mudou e com essa receita irei começar a fazer para meu filho de 2 anos, ele já ama banana e sei que vai adorar o doce. Obrigada o/

  2. Cici

    Rodei o Google todo, para finalmente me identificar muito com a sua receita que é, acho, igual que uma tia fazia, e me levava sempre um pó tinhoso, ela sabia que eu amava!
    Está no fogo há mais de 1 hora, tudo do jeitinho que vc explicou, porém agora que está ficando rosinha, (cor de rosa) rss, e fico em dúvida se é para botar tampa ou não, ou coloco deixando uma brechinha! Tomara dê tempo de vc me responder! Muito obrigada

    1. Léo Aguiar Autor da Postagem

      Eliaci que legal te lembrar coisas boas . Este é o objetivo do meu blog. De verdade. Pode deixar uma brechinha e o fogo bem baixo. Me conta como ficou o doce. Estou curioso.
      Abraços Léo Aguiar

  3. Jailda

    Você me fez volta ao passado na minha infância la na querida cidade de mossoró RN costumava comee esse delicioso doce em calda que a muito nao se ve hoje ta aqui eu tentando fazer e agradecer a ti achava que nunca mais ia saboreá essa maravilha.

    1. Léo Aguiar Autor da Postagem

      Jailda que bom que você está conseguindo fazer. Espero que fique uma delicia. Me conte como ficou depois que estiver pronto.
      Este é o post que me dá mais alegria, sabe porque? Porque traz ótimas lembranças para muitas pessoas
      Um grande abraço. Leo Aguiar

  4. Jailda

    Você me fez volta ao passado la na minha infância na querida cidade de mossoró costuma comer esse maravilhoso doce e hoje ta aqui eu tentando fazer esta parecendo que vai da certo

  5. Maria de Lourdes Tomé Monteiro

    Realmente é maravilhoso , minha cunhada fazia e sempre comento na minha casa mas não sabia como fazer agora vou tentar.

    1. Léo Aguiar Autor da Postagem

      Nossa que bom Maria de Lourdes. Eu tambem gosto de achar receitas na internet que me lembram situações e pessoas queridas. Tente fazer . Verá que é fácil e principalmente, muito gostoso. Espero que goste!!!! Obrigado por comentar aqui no site

  6. karla

    Minha tia faz na panela de pressão.. Demora menos tempo e fica roxinho tbm. Fiz do jeito que vc ensinou… A minha casa esta com o cheirinho gostoso que descreveu.. Doce mt bom.. Lembra minha infância tbm 😍

    1. Léo Aguiar Autor da Postagem

      Que notícia boa Karla. Muito obrigado pelo comentário. Se eu consegui te fazer lembrar de sua infância e trazer memórias Boas, já valeu esse post. Fico muito feliz. Muito obrigado.

  7. Daniela Amaral

    Uhmmmm… Minha tb fazia esse doce. Maravilhoso!
    Nem sei se ela se lembra da receita. Vou testar a sua , pois minha boca encheu d’água, rs.

    1. Léo Aguiar

      Daniela, desculpe pela demora na resposta. Esse doce é delicioso, mas não é tao facil de fazer. Para dar o ponto demora um pouco, mas vale a pena a espera.
      E ai, você conseguiu fazer? Ficou bom? Me mande seu comentário.
      Abraços

    1. Léo Aguiar

      Rose, obrigado pelo comentário. A banana deve ser a prata, porém existem alguns detalhes importantes alem desse. A fruta precisa estar beeeeeem madura, com manchas pretas mesmo. Ela deve ser cortada grossa e não fina, pois assim quando mexer vai desmanchar toda. A canela em pau é bem importante e o cozimento longo e em fogo baixo, é a chave para ficar roxinho.
      Espero ter ajudado. Me responde se conseguiu

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MENU